Translate

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Reflexão sobre Vênus em Libra/Urano em Áries/Mercúrio e Saturno em Escorpião

Reflexão sobre Vênus em Libra/Urano em Áries/Mercúrio e Saturno em Escorpião
   Representando a beleza, em tempos de padrões estéticos definidos por interesses, com as pessoas frustradas em relação a sua aparência, pela dificuldade de se encaixar nos padrões estabelecidos, a Vênus inicia seu trânsito anual por Libra em tempos de Urano em Áries e Mercúrio conjunto com Saturno em Escorpião.
   A Vênus/Afrodite nasceu da espuma que se formou dos testículos de Urano que foram jogados no mar, ou seja, simbolicamente livre de padrões. Nasceu adulta e pronta para se relacionar, e este é o padrão da Vênus que rege Libra, a cópula, interação, sedução, ter prazer com o outro.
   Vênus rege o amor, o tesão e não necessariamente o romance, é o fogo que arrebata e nos impulsiona para fora de nós, para o outro.
   Quando em trânsito por Libra, seu domicílio, traz a atração e o prazer, o que sentimos com a beleza, as artes e todas as atividades sensoriais, e a necessidade de integração e interação com o outro. Rever a importância e a qualidades das alianças, equilíbrio de forças políticas e a necessidade de rever normas, leis e critérios que normatizam o convívio social, profissional e pessoal.
   A Vênus em Libra nos indica o prazer e o valor do equilíbrio, harmonização das forças opostas, diversas e múltiplas. Pessoalmente nos impulsiona a prática que podem equilibrar a nossa mente e que devem trazer paz e harmonia para as nossas vidas. Buscando o valor que existe na tranquilidade, que se instala em nós, através da compreensão e aceitação do outro e de nós mesmos.
   No seu trânsito por Libra estará em oposição a Urano, que transita em Áries desde março de 2011 até maio de 2018, estilhaçando formas superadas, preparando a humanidade para o novo ciclo, mudando atitudes, ampliando os limites formais, destruindo preconceitos e evoluindo comportamentos.
   De 29 de setembro até 23 de outubro de 2014 será um período de reavaliação e debates dos padrões que regem a estética, o convívio social, a sensualidade, e da necessidade que temos de mudar valores que não mais se compõe com o moderno cérebro humano, Novo Mundo, Nova Era e a Nova Humanidade.
   Vênus estará envolvida em oposição com Urano em Áries e quadratura com Plutão em Capricórnio formando o que chamamos de Quadratura T ou T Square. O que nos sugere mudanças repentinas e bruscas nas relações internacionais. Período perfeito para debatermos o que é justo, o que é belo e o que é real.
Com o Sol em trânsito por Libra, também em oposição a Urano e Mercúrio em Escorpião se aproximando da conjunção com Saturno podemos esperar grandes revelações e muitas falcatruas descobertas, o que pode mudar a visão sobre o caráter de pessoas públicas e revelar obscenidades em acordos e alianças, nacionais e internacionais.
   Individualmente este trânsito pode estabelecer uma revolução na nossa postura frente os relacionamentos íntimos, de amor, amizade, sociedades e parcerias em geral. Devemos sair dele com a certeza que se expandir passa por compartilhar, ideias, conhecimentos e conquistas.
   Concluir que convivendo neste universo cíclico, todos habitando o mesmo planeta, o que acontece com um se expande para todos, embora muitos de nós acreditemos que através do poder, escravizando, segregando, manipulando informações, que podem fazer tudo e nada sofrerem, mas estão descobrindo que isto não é mais verdadeiro, as paredes tem ouvidos, câmeras e gravadores, e que mais cedo o mais tarde as obscenidades nos ditos poderes vem a tona.
   Quando evoluímos nossos valores e comportamentos mudamos nossas relações íntimas e profissionais, contribuímos com as mudanças na sociedade e transformamos o mundo. A hora é esta, cercados de desequilíbrio psíquicos, dos que não aguentaram as mudanças e estão desistindo, nas drogas ou se entregando a toda a sorte de crendices, em busca de solução e explicação para o que estão sentindo, vamos mudar, antes que seja tarde para todos nós e para o planeta. Vamos ser a mudança que tanto clamamos, não terceirizar a políticos, gurus, falsos mestres ou a quem quer que seja. Se realmente queremos um mundo mais justo, sejamos justos, se queremos um mundo mais honesto sejamos honestos e o mundo muda com cada um de nós. Vamos parar de justificar as nossas ações com o que temos na nossa volta, se realmente queremos vamos Ser o que pregamos.