Translate

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Sol em Aquário

                       Sol em Aquário

   O Sol estará em Aquário de 20 de janeiro até 18 de fevereiro de 2014, onde encontra Mercúrio, também em trânsito por este signo. Lembro que o Sol representa a nossa consciência de “Eu”, nosso espírito, fonte da luz, energia e calor de todo o Sistema Solar.
   Sol e Mercúrio em Aquário, fazem pensar este signo que rege a Astrologia. Terceiro signo da trilogia do elemento Ar, pertence à Cruz Fixa e é um signo de energia Yang.
   Solidariedade, humanidade, liberdade e revolução são conceitos que descrevem este arquétipo da psique humana e que define a energia (Sol) dos que nascem neste período. Ser aquariano é não se contentar com o que está definido, é querer mudar, diferenciar para ver outras alternativas e possibilidades. Estabelecem relações desprendidas e não se conformam com limites e preconceitos. São os revolucionários regidos por Urano, já foram por Saturno, antes de Urano ser descoberto em 1781.
 Sua parte saturnina faz muitas vezes parecerem distantes e frios, aparentemente frequentando um universo paralelo, estão sempre com a inteligência ocupada em buscar saídas alternativas ou outra forma de fazer as coisas. Podem se tornar pessoas nervosas se não desenvolverem ideias que possam ter utilidade prática, rege o sistema nervoso e a eletricidade. Toda forma de tecnologia e de áreas que trabalhem com o simbólico são aquarianas, a Astrologia é uma delas.
   Estamos entrando na Era de Aquário onde a mente humana está passando por uma grande evolução, a nova inteligência e seus signos já estão entre nós, nos jovens, nos visionários e nas mudanças conceituais que a revolução tecnológica fez no nosso mundo. Estamos refazendo, reinventando formatos, reciclando para poder sobreviver no planeta e no movimento de evolução.
   Aquário é a consciência do coletivo, da necessidade de integração e interação, do nós sem o qual não existe progresso nem sucesso possível. É o signo da pluralidade, das oportunidades que carrega a diversidade, o diferente, o múltiplo e infinito que está colocado em cada um de nós.
  Quando Mercúrio o planeta do pensamento, da comunicação e do intelecto passa, no seu trânsito anual por Aquário, as comunicações ficam incomuns e extravagantes, as mentes ficam mais aguçadas e interessadas por tecnologia. Mercúrio em Aquário separa os pensamentos dos sentimentos e proporciona maior capacidade de absorver conceitos abstratos.
  Neste ciclo estaremos abertos para novas ideias e reflexões. Ficamos mais lentos para realizar, devemos escrever e falar, trocar ideias com grupos e amigos. Estaremos abertos para outros pontos de vista, mesmo que com dificuldade de mudar de opinião.
   Sol e Mercúrio juntos em Aquário pensam as relações coletivas, os grupos e o movimento de evolução. Individualmente podemos nos conectar com esta poderosa energia de liberdade e inovação, assumir e repensar nossas vidinhas acomodadas, ousar nas formas estéticas, nas estruturas, atitudes e eliminar preconceitos. Esta energia nos chama a ousar e refletir os limites auto impostos. Criatividade, inovação, transgressão, alternativas revolucionárias e progressistas são legados deste poderoso encontro em Aquário, com o regente Urano em Áries envolvido em quadratura com Plutão em Capricórnio.
   Urano em Áries incentiva as ideias originais, medidas rápidas, confiança no fluxo, respostas de pronto, impulsiona a ação e a revolução interior. Plutão em Capricórnio revela o poder da experiência, das tradições e do conhecimento. Trás com ele as limitações, dificuldades, fragilidades e necessidade de regeneração, cura, promovendo transformações radicais na ordem e nas estruturas da vida e da sociedade.
   Estamos rompendo os limites e o impossível vem se tornando possível, só ficar atentos aos acontecimentos a nossa volta, os meios estão a disposição. Áries é a vida acontecendo, Capricórnio o contexto e Aquário o coletivo, a humanidade e as relações sociais e políticas. Mudando nossas atitudes nos reinventamos, participamos das mudanças das estruturas em torno.




terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Lua Wobble - Janeiro de 2014

         Lua Wobble - 23 de Janeiro 2014

   No dia 23 de janeiro de 2014 o Sol a 3º de Aquário fará quadratura com o Nodo Norte a 02º de Escorpião, configurando o fenômeno Lua Wobble ou Lua Bamboleante que ocorre quando o Sol, que entra em Aquário no dia 20/01, forma uma quadratura, conjunção ou oposição com os Nodos Lunares, também conhecidos como Cabeça e Cauda do Dragão.
  Os Nodos não são corpos celestes e sim 2 pontos virtuais detectados na intersecção da trajetória da orbita da Lua com a trajetória aparente do Sol em torno da Terra. Todo ano o Sol realiza esses aspectos tensos com o eixo nodal, ocasionando assim a Lua Wobble.
  O aspecto partil ocorrerá em 23 de janeiro 2014, porém os efeitos da Lua Wobble costumam durar 2 semanas antes e 1 semana depois. Quem tem planetas ou pontos importantes nos primeiros graus de Escorpião, Touro, Aquário e Leão, a Cruz Fixa, devem ser afetados de forma mais intensa.
   A Lua Wobble é um momento de altos e baixos, ficamos inquietos e sentindo uma energia de inseguranças e instabilidades. Podem ocorrer agravamentos de situações para que sejam encaradas e resolvidas. A tendência é que se esteja mais explosivo, com dificuldades para ponderar e racionalizar os acontecimentos, podendo com isto romper relacionamentos profissionais e amorosos, e nos arrepender logo depois. Após a passagem deste aspecto tudo tende a voltar ao seu lugar, o que nos aconselha prudência, controlar a dramaticidade e exercer o autocontrole.
  A Lua Wobble se relaciona as grandes mudanças de vida, surgem oportunidades inesperadas, aumento da criatividade e grande conexão espiritual. Mas como é uma energia de instabilidade, não se aconselha a dar início a coisa que se queira duráveis. Devemos buscar conhecimento, informações, pesquisar e procurar novas visões para questões definidas.
   Esta energia instável pode se manifestar em acidentes graves, catástrofes climáticas, maior incidência de violência, turbulências sociais e pessoais. Como a Lua rege coisas do passado, assuntos antigos ou mal resolvidos podem bater a nossa porta durante este período, e de maneira totalmente inesperada. O poder de atração e o magnetismo aumentam, e estaremos mais sensíveis as energias do invisível.
   Pensando nisto, retomo os significados dos Nodos Norte e Sul no eixo Escorpião/Touro, que são pontos de orientação, foca o viver, o que está no escuro que deve vir à tona e encarado, o oculto e sua necessária revelação, luz e sombra, origem e destino, aprendizado e superação, com que viemos e o que devemos levar. As casas que ocupam são as áreas da vida onde vivenciaremos estas experiências.
   O Nodo Norte é o que precisamos aprender através de novas experiências, é o caminho da evolução, e no Sul que nos refugiamos quando as coisas não dão muito certo. O Nodo Sul é experiência que trazemos e por tanto nos sentimos mais confortáveis e protegidos, enquanto o Norte é o desconhecido, o desafio.
   “O Nodo Sul também pode referir-se ao que Jung chama de persona, que é o resultado dos esforços feitos pelo indivíduo para integrar seu comportamento em termos de um padrão social ou de alguma ‘imagem’, que no melhor dos casos satisfaz apenas a uma parte de seu ser total. O indivíduo cristaliza seu comportamento na forma desta imagem, e assim assume um papel que mantém através da força de vontade egocêntrica, pela compulsão pelas tradições sociais ou necessidades sociais. Essa persona é uma personalidade falsa, porque o destino total do indivíduo não opera nela ou através dela. “ (Rudhyar – Astrologia da Personalidade).
   Com o Nódulo Norte em Escorpião desde setembro de 2012 até março de 2014, vamos experimentar uma transformação completa, começamos a liquidar antigos padrões de comportamento. A experiência o ensina como cortar os laços radicalmente a fim de que não caminhe para o futuro com os pés atados ao passado. O maior crescimento acontece quando se é capaz de abandonar-se e deixar vir. Lembrando que as pessoas que nascem com este posicionamento dos Nodos, em vidas anteriores, a pessoa foi excessivamente apegada aos bens materiais. Agora precisa entender que o dinheiro existe para servi-la e não o contrário. Precisam fazer uma revisão de seus valores.
   Necessidades interiores de dependência precisam ser transformadas em independência completa de pensamento e ação. No decorrer do período podemos sentir nossas forças se ampliarem, vagarosamente, quando aos poucos iremos nos livrar das questões que nos oprimem. Analisar os resultados após os acontecimentos nos fará desenvolver maior consciência individual e coletiva. O ganho será autorrespeito, respeito ao próximo e disciplina pessoal.
   A Cabeça do Dragão/Nodo Norte em Escorpião, como a agulha de uma bússola, aponta para as explosões inexoráveis do que se acreditava sólido e definitivo, preparando o terreno para as mudanças necessárias do por vir.
   Saturno em Escorpião, até dezembro de 2014, vem exigindo responsabilidade e disciplina no uso do conhecimento, dos dons, das capacidades psíquicas, e mostrando quais são as consequências e resultados que o poder traz para as nossas vidas.
   Lembro que a Lua Woble estará em trígono partil/exato com Netuno em Peixes que transita a 03º de Peixes,  indicando um período especial para a humanidade, sugere uma força cósmica especial de amor e evolução.
   O trânsito de Netuno por Peixes é uma oportunidade de desenvolvermos a sensibilidade, o amor pelo próximo, talentos e de encontrar a razão maior da nossa existência neste planeta. Ativa os canais de comunicação do coração e da alma, o inconsciente e o invisível, exige flexibilidade para lidar com o desconhecido.



segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Mercúrio em Aquário em 2014

           Mercúrio em Aquário em 2014


   Desde 11 de dezembro de 2013 Mercúrio está em Aquário até 31 de janeiro de 2014, quando ingressará em Peixes, até o grau 03 de Peixes em 13 de fevereiro, quando inicia movimento retrógrado voltando para Aquário até 18°, onde retoma o movimento direto em 29 de fevereiro, entrando em Peixes definitivamente em 17 de março de 2014. 

   Quando Mercúrio o planeta do pensamento, da comunicação e do intelecto passa, no seu trânsito anual por Aquário, as comunicações ficam incomuns e extravagantes, as mentes ficam mais aguçadas e interessadas por tecnologia. Mercúrio em Aquário separa os pensamentos dos sentimentos e proporciona maior capacidade de absorver conceitos abstratos.

   Neste ciclo estaremos abertos para novas ideias e reflexões. Ficamos mais lentos para realizar, devemos escrever e falar, trocar ideias com grupos e amigos. Ficamos abertos para outros pontos de vista, mesmo que com dificuldade de mudar de opinião.
   As estruturas do planeta estão mudando com Plutão em Capricórnio, devemos mudar junto, estar inserido no movimento, esquecer formas ultrapassadas de comportamento, jogar fora padrões mentais obsoletos, prejudiciais a nossa realização como indivíduos e também coletivamente. Exercer a responsabilidade que temos sobre o que nos acontece nos faz evoluir e ter ações mais competentes em prol da nossa realização.
   Nestes dias de Sol e Plutão em Capricórnio, ao contrário de esperar que o Universo conspire a nosso favor, vamos nos comprometer e responsabilizar pelos nossos projetos e agir de acordo, conscientes e participativos neste mundo novo, cheio de possibilidades desde que nos livremos de padrões mentais obsoletos, valores ultrapassados, ideias obsoletas e apegos desnecessários a nova realidade da vida no planeta.
  Mercúrio em Aquário conspira ao nosso favor, dando ênfase a inteligência e a capacidade de absorver o diferente, estranho e bizarro, julgamentos que provêm da nossa dificuldade em fazer mudanças por insegurança, apego a formatos que nos dão uma ilusória sensação de segurança e perenidade, falsa realidade permanente e confortável.
   Vamos lembrar que a única coisa que é permanente é a mudança e que precisamos estar aliados ao movimento, que é inexorável, sob pena de estagnação, ficando obsoletos e dispensáveis, sujeitos a descarte prematuro através das doenças mentais e físicas. 
   Estar vivo não é só respirar, é participar integralmente do momento histórico que vivemos, usar todos os nossos dias para aproveitar tudo que a vida tem e nos oferece diariamente, basta querer.
   Aquário é o signo da liberdade, do coletivo, da sociedade e da fraternidade, juntos somos fortes e fazemos as mudanças que movem a vida e a história. Individualmente devemos prestar atenção na casa em que temos Aquário no nosso mapa, onde Mercúrio passa em trânsito, pensar, reformar, ousar nossas ações nesta área. Preparar a chegada do Sol que entra em Aquário no dia 20 de janeiro, iluminando e dando visibilidade as questões da casa envolvida.



sábado, 11 de janeiro de 2014

Marte em Libra

                         Marte em Libra

   Marte estará no signo de Libra por oito meses, 07 de dezembro 2013 a 26 de julho de 2014. Desde o seu ingresso neste signo tenho meditado sobre o que escrever sobre este posicionamento do Senhor da Guerra, representante ilustre no nosso Mapa Natal do masculino em nós, nossas atitudes e expressão da nossa energia vital, o Sol. Marte em Libra pensa, analisa, pondera, vê as possibilidades e ainda leva um tempo maturando até a execução.
   Tecnicamente Marte está no seu domicílio em Áries/Escorpião e em exílio em Libra/Touro. Marte em domicílio, e todos outros planetas, expressa sua energia de forma pura, dá vasão as características, positivas e negativas, do signo em que se encontra, intensifica e potencializa. Em exílio suas funções ficam deslocadas, desconfortáveis e por isto com sua expressão com um colorido do oposto complementar. Marte em Áries é ação sem filtro, sem limites, velocidade, impulso e instinto. Em Libra as atitudes tem na estética, na harmonia, no equilíbrio das forças e na beleza aliados que lapidam o impulso primordial do masculino. Libra é regido pela Vênus, Deusa do Amor, Senhora da Beleza e representante arquetípica do feminino.
   Neste posicionamento de Marte o masculino encontra o feminino, e o feminino o impulso sexual ativo, agressividade e estímulo em busca do oposto complementar, atração, yin e yang, na heterossexualidade reprodutiva, relações sexuais que acontecem em Escorpião, co regido por Marte. Impulso que existe no masculino em busca do feminino e vice-versa, preservação da espécie.
   Nos oito meses em que estará em Libra, Marte fará parte da Grande Cruz, configuração que viemos falando a algum tempo, Plutão em Capricórnio, Urano em Áries e Júpiter em Câncer. Ler artigos nos arquivos do blog.
   Em linhas gerais Plutão vem desmantelando estruturas falidas, Urano arrasando violentamente as resistências ao progresso/evolução das ações humanas e Júpiter em Câncer nos indica que a expansão, o progresso e a “proteção”, só vai acontecer quando fizemos a coisa certa para o conjunto, serão encontrados na família, humanidade, na proteção, na nutrição do conjunto e no Amor, Solidariedade e Generosidade. Júpiter em Câncer expande e beneficia as ações em prol dos outros, o sentimento de responsabilidade com o coletivo e com a importância do nosso papel neste momento histórico em que vivemos.
   Marte em Libra nos aponta ações conciliadoras e não só falta de ação, insegurança e indecisão, como muitas vezes tenho visto este posicionamento ser definido. Em tempos de mudanças tão avassaladoras, como as apontadas por esta grande Cruz Cardinal, que está ativa desde o 2013, este Marte é uma referência extremamente positiva. Pressa para que? Focar o que? Para chegar onde e como? Nos indica que devemos colocar nossas atitudes, objetivos, relacionamentos e sexualidade na Balança/Libra. Pensar a violência, a competitividade, o dente por e olho por olho, tão necessário para a sobrevivência de nossos antepassados remotos, e que carregamos dentro de nós, nosso instinto de preservação.     Devemos harmonizar a autoestima instintiva de Áries ao reconhecimento e aceitação das diferenças, que se manifestam em Libra, encontro do Eu com o Outro, formador de tudo que vemos a nossa volta, que estamos recriando, mudando, evoluindo. Buscar juntos a Nova Era da fraternidade e do respeito pelos diferentes, sem medo e sem ter que lutar por uma caça rara e difícil de ser abatida por tacapes e machados.
   A tecnologia e a ciência, fruto da evolução da nossa mente, nos dá a capacidade e o dever de mudar, e até muda de forma compulsória, atitudes em prol de uma ação mais justa e coesa em busca dos direitos e deveres de todos, compartilhar em vez de acumular, formando a sociedade da nova humanidade da Era de Aquário.
   Pensando desta forma, Marte em Libra oposto ao libertário e intransigente Urano em Áries, não nos assusta, nem é unicamente arauto de catástrofes, só as necessárias para as limpezas fundamentais, e elas acontecerão com toda a certeza. Desastres naturais, acidentes aéreos e guerras por diferenças ideológicas, onde só terão perdedores.
   Vamos ter que aprender que devemos negociar, não sair atropelando, achando que o nosso direito e o nosso crer é o certo e prioritário. Em tempos de Marte em Libra podemos aprender a conviver melhor com os nossos semelhantes, e com os totalmente diferentes. Concluir que é só por causa disto que podemos nos reconhecer indivíduos únicos, que progridem no debate, nas opiniões divergentes, pertencentes a um todo coeso e grandioso, o Universo. Através dos ciclos, em constante movimento, muda, evolui, elimina e cria o novo, aprimorado, lapidado e cada vez mais perfeito, mesmo sem nunca chegar lá.
  Hoje somos melhores que ontem e piores que amanhã, e os nossos comportamentos, nossa mente, leis, valores e instituições acompanham este movimento universal.
   As casas em que Marte em Libra e Urano em Áries estão ativando em trânsito, o nosso Mapa Natal, são as áreas da nossa vida em que estas energias se manifestam, requerendo atenção e elaboração, são as propulsoras da evolução e das mudanças que ocorrem em nós de forma individual, que vão definir a nossa função/participação no processo c
oletivo.

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Atendimento no Rio de Janeiro


          Atendimento no Rio de Janeiro

“Nada lhe posso dar que já não exista em você mesmo. Não posso lhe abrir outro mundo de imagens, além daquele que há em sua própria alma. Nada lhe posso dar a não ser a oportunidade, o impulso, a chave. Eu o ajudarei a tornar visível o seu próprio mundo, e isso é tudo”. (Hermann Hesse)
Assim é que vejo o meu trabalho como astróloga, traduzo para a linguagem astrológica o que você sabe e mais, o que está pronto para saber além.
De 24 de janeiro a 08 de fevereiro de 2014 estarei no Rio de Janeiro/RJ- Brasil, atendendo pelo Skype ou presencial. Marcar pelo e-mail: beth-borba@hotmail.com ou inbox do meu perfil no facebook: Beth F Borba.

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Pensando o Céu de 2014

                     Pensando o Céu de 2014

   Pensando o primeiro dia de 2014 me deparo com a Lua Nova fazendo parte de um poderoso Stellium (três ou mais planetas em um signo) em Capricórnio.
   A senhora de todos os começos em conjunção com Plutão, o senhor das mudanças inexoráveis, onde ele toca não deixa nada como encontra, explode, implode...muda.
   2014 será o ano da concretização do que vem sendo encaminhado desde 2008, quando o senhor das forças inconscientes entrou em Capricórnio.
   Se pensarmos Capricórnio como o arquétipo das estruturas sociais, da solidez, dos limites da vida terrena, do nosso corpo físico (pele, cabelos, articulações e esqueleto) veremos as mudanças que vem acontecendo no mundo a nossa volta, econômicas, políticas, sociais e também na nossa saúde física e emocional. Saturno regente de Capricórnio, em trânsito por Escorpião, indicando pressões limítrofes no nosso psicológico, nos proporcionando através da dor atitudes que nos levarão a cura, a evolução através dos obstáculos superados e a necessidade da aceitação das nossas falhas e dificuldades, tão necessárias para a nossa saúde mental e física. Enfrentar para evoluir, transcender e harmonizar.
   Netuno em Peixes, sextil com Capricórnio, nos aponta um portal de passagem para todas estas energias densas que carregamos nas nossas crenças, cultura e sistemas da nossa civilização. Devemos nos ater do perigo em delegar para os que se denominam mestres, mas que na realidade são seres perturbados ou oportunistas, buscar a nossa sabedoria interior para encontrar nosso caminho individual, compartilhar e aceitar as escolhas e os tempos dos outros.
   O que buscamos é paz, mas somos seres que vivem coletivamente, o que acontece para um se reflete no conjunto, e é isto que devemos aprender definitivamente, princípio de todas as mudanças que são necessárias para que tenhamos um 2014 produtivo, rentável e com resultados duráveis, energias que são prioritárias em Capricórnio.
   A universalização da informação trouxe a possibilidade do acesso ao conhecimento para todos, ainda não temos a excelência, mas ela deve acontecer de forma gradativa.
Viveremos até a metade do ano, de forma intensa, a Grande Cruz Cardinal entre Plutão em Capricórnio, Urano em Áries/Carneiro, Júpiter em Câncer/Caranguejo e Marte em Libra, enfatizando as tensões sociais, nos relacionamentos e no nosso dia a dia, brigas e violência.
   Marte em Libra, o grande ativador desta grande quadratura, nos lembra que este planeta que representa o masculino, a agressividade e a guerra, se encontra em detrimento em Libra, energias conflitantes e complementares, o que nos faz pensar nas nossas atitudes e impulsos, pois devemos pagar altos preços por ações impensadas, agressivas e compulsivas. Urano em Áries em oposição ao Marte em Libra pode indicar graves acidentes, mortes prematuras e rompimentos trágicos, catástrofes que poderiam ser evitadas através de atitudes diplomáticas e o exercício do bom senso, bom humor e tolerância.
   Marte em Libra pode indicar muitas dúvidas e dificuldade para definirmos, mas podemos aproveitar esta energia para desenvolver o autocontrole, ter calma e pensar bastante antes de tomar qualquer atitude, pode ser irreversível e causar sofrimento para nós e para todos envolvidos.
   Marte em quadratura com Júpiter em Câncer/Caranguejo indica tensão entre as ações e as emoções, sendo Júpiter a expansão, a sorte e a fartura, podemos optar por seguir o caminho de Libra, do equilíbrio, bom senso, harmonização e justiça para alcançar nossos objetivos de construção e realizações neste ano que inicia sobre a vibração da Lua Nova a 10° de Capricórnio, a mais perto de Plutão que está a 11° de Capricórnio, nos últimos tempos. Fase que inicia também na companhia do Sol, Mercúrio e Vênus também no décimo signo do zodíaco, potencializando clareza, objetividade, valorização da vida terrena e das coisas duráveis, do legado que vamos deixar as próximas gerações.
   Netuno e Quíron em Peixes, guardiões do portal da passagem da humanidade para a Nova Era, provocam a sublimação das energias que não se fazem necessárias para o novo ciclo, cicatrizando feridas abertas por elas na sociedade e de forma individual, nos possibilitando curar doenças físicas e emocionais através do Amor, da Gratidão e do exercício do desapêgo.
   A Lilith em Câncer e o Nodo Norte e Saturno em Escorpião nos indicam que o foco é a transformação profunda da vibração do nosso planeta, que o instrumento é a poderosa força mágica dos nossos sentimentos projetados para o bem comum, a família humana, arrastando todo e qualquer obstáculo, arrebanhando aliados e unindo forças neste ano de definições e construção de novas estruturas físicas, emocionais e mentais.
   A Grande Cruz Cardinal é formada por Áries/Fogo/Começo, Câncer/Água/Integração, Libra/Ar/Interação e Capricórnio/Terra/Estrutura. Não esquecendo que Marte em Libra é ação equilibrada, escolha pela beleza, a arte e a busca ativa pela harmonia, no outro e com o outro, dando início a Era de Aquário, do indivíduo profundamente consciente da coletividade, da fraternidade e da sua natureza única e fundamental.