Translate

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Sol em Libra


                                Sol em Libra

   Partindo do principio de que o Sol, para a Astrologia, é o principio vital, o espírito, a luz e as características que podem tornar as nossas vidas produtivas e prazerosas ao serem compreendidas e desenvolvidas, a entrada do Sol em Libra remete para fora deste “Eu” e nos aponta o “Outro”, e toda a beleza e riqueza que isto representa.
  Com a vida começando no arquétipo de Áries, signo oposta a Libra, nascimento, atitude e impulso do “Eu” cumprimos o desafio do particular, e nos lançamos ao coletivo buscando parceria, diversidade, integração e harmonização dos desafios internos projetados no “Outro”.
   Quem nasce com o Sol em Libra, arquétipo da cooperação e harmonia, precisam do bom e do belo. Devem exercer a diplomacia, buscar equilíbrio entre seu eu e o outro, senso estético e saber apreciar as artes. Precisam das uniões amorosas e não suportam a solidão. Gosto em promover reuniões sociais, estar em grupos, conseguem manter distância emocional em situações de emergência e acham saídas adequadas quando sob pressão. Não suportam violência, tem ideal de justiça bastante elevado que muitas vezes não atinge seu aspecto prático, tem dificuldade para tomar decisões e transferem freqüentemente para os outros. As mulheres habitualmente têm grande admiração por seus pais e casa-se com homens que detém características semelhantes, são leais e devotadas.
   Adoram a vida das cidades onde há novidades, movimento e vida social. Gostam sempre de estar entre as pessoas conversando, trocando idéias, relacionam-se com o sexo oposto sem que tenha que haver um conteúdo erótico. Tem dificuldade para uma troca afetiva mais íntima, são intelectuais, não suportam ser exposta a situação de ridículo, tem tato, habilidade política e estratégia inatas. Desejam no casamento parceria, igualdade e a oportunidade de compartilhar, gostam de manipular pessoas, exigem o cumprimento dos compromissos firmados, procuram sempre manter as aparências. Podem suportar situações bastante desconfortáveis para manter a vida a dois, podem vivenciar o casamento como um jogo de poder.
   Situações dramáticas podem ocorrer quando há uma simbiose grande entre o casal, pode criar-se um clima onde seja acionado o arquétipo de mãe devoradora, ter muita dificuldade de vivenciar o lado lúdico do amor, onde utilizam sedução e as formas indiretas para agir e atingir seus objetivos.
   Neste ano o Sol vai estar em Libra de 22 de Setembro até 23 de outubro de 2013 (Equinócio de Primavera e Sabbats). Signo regido pela Vênus que representa a beleza, que em tempos de padrões estéticos definidos por interesses, deixando as pessoas frustradas em relação a sua própria beleza, pela dificuldade de se encaixar nos padrões, gerando conflitos e radicalizações, que vão se manifestam em desequilíbrios físicos e emocionais, se refletem de forma visível nas relações íntimas e sociais. O que não estiver em equilíbrio, depois deste período, estará doente de morte.
   A Vênus/Afrodite nasceu da espuma que se formou dos testículos de Urano que foram jogados no mar, ou seja, simbolicamente livre de padrões. Nasceu adulta e pronta para se relacionar, e este é o padrão da Vênus que rege Libra, a cópula, interação, sedução, ter prazer com o outro. Vênus rege o amor, o tesão e não necessariamente o romance, é o fogo que arrebata e nos impulsiona para fora de nós, para o outro.
   Neste ciclo da Vênus/Saturno/Nodo Norte em Escorpião, e o Sol/Mercúrio em Libra opostos a Urano em Áries ativando a Grande Cruz Cardinal: Áries/Libra/Júpiter em Câncer/Plutão em Capricórnio. Gerenciar conflitos acumulados, através do foco na negociação, equidade, ponderação, e na descoberta de alternativas criativas. Caso isto não ocorra provocarão enfrentamentos e convulsões sociais, proveniente de embates diplomáticos e radicalizações, em total desrespeito da vontade da maioria, e em defesa de interesses que não mais se sustentam, mesmo que estas minorias estejam tentando ganhar tempo, evitando o inevitável.
   O Sol/Mercúrio em Libra oposto a Urano em Áries estilhaça paradigmas e rompe acordos, amplia os limites formais, destrói preconceitos e evoluem comportamentos, não sem antes provocar conflitos, discussões violentas, disputas por poder, radicalizações filosóficas, religiosas e políticas.