Translate

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Grande Sextil e os Hexagramas

                          

              Grande Sextil e os Hexagramas

   Dia 29 de julho, por volta de 10h30 em Porto Alegre/RS – Brasil, acontece uma rara configuração no céu. Trata-se do traçado de um Hexagrama ou Estrela de Davi perfeita envolvendo Júpiter e Marte no Meio-Céu em Câncer em harmonia com Saturno em Escorpião e Netuno em Peixes. O outro grande trígono (120°) será nos signos de Terra, com Plutão em Capricórnio, Vênus em Virgem e a Lua em Touro, todos os planetas envolvidos nessas configurações formam um sexti (60°), desenhando um hexágono. Estes são aspectos muito positivos e harmonioso que estão ao redor de todo o planeta em uma configuração geométrica sagrada.
                                               Mandala do Grande Sextil                
   A conjunção de Júpiter e Marte faz sextil com Vênus, a beleza e os valores, sextil também com a Lua, as emoções e o amor, sinalizando a oportunidade para que o poder dos bons sentimentos e a harmonia da beleza possa superar o poder da guerra e redefinir critérios e crenças. A seguir o planeta Saturno, a vida na matéria faz sextil com Vênus e Plutão, o planeta da transformação, transformando os valores materialistas. Netuno o planeta da fé, dos sonhos em sextil com Plutão e com a Lua, indicam uma poderosa energia de mudanças profundas nas estruturas do nosso planeta, trazendo esperanças para que realizemos nossos sonhos através do Amor.
Mapa do dia 29 de Julho de 2013 as 10h30' - Porto Alegre/RS - Brasil

   A Palavra Hexagrama tem origem no grego e significa seis linhas ou seis caracteres (hex = seis/ gramma = linha). Portanto, uma seqüência de seis sinais gráficos (letras ou figuras geométricas, por exemplo) pode ser considerada um hexagrama. Assim, na filosofia oriental denominada I Ching, o hexagrama possui uma representação linear, porém na maioria das escolas esotéricas ocidentais assume a forma de uma estrela de seis pontas e é conhecido também por Estrela de Davi, Selo de Salomão, entre outros. Esta versão carrega inúmeros significados ao longo da história, figura tanto como símbolo maior do Estado de Israel como na simbologia ocultista.
                                                   Estrela de Davi
Selo de Salomão
Hexagrama
   Paganismo, Xintoísmo, Espiritismo, Budismo, a Alquimia de Hermes Trismegisto e sua “Tabua de Esmeralda”, os Maçons, Rosa-cruzes, Teosóficos e Ordem dos Templários tem na estrela de seis pontas seu símbolo máximo, e suas variações como o símbolo do Hexagrama Unicursal de Aleister Crowley.
                                 Hexagrama Unicursal                                      
   O Hexagrama também simboliza a alma humana, sendo utilizado por magos cerimoniais para encantamentos, conjurações, sabedoria, purificação e reforço dos poderes psíquicos. Simboliza os processos de involução e evolução. O triângulo que aponta para baixo apresenta a involução da energia divina que desce, o que está voltado para cima indica a ascensão dos seres. É utilizado também como amuleto, representa o casamento perfeito entre masculino e feminino, compreensão entre sexos.
   Nos círculos ocultistas, o hexagrama geralmente é visto com alguma palavra ou símbolo gravado em seu centro para ser aplicado numa situação específica, como potencializar um ritual ou evocar alguma divindade.
                                               Hexagrama Ritual
   A figura da Estrela de Davi ou Selo de Salomão, no céu, é duplamente positiva e muito rara. O hexagrama formado pela união perfeita de 6 trigonos ligados a 6 sextis formam a figura perfeita de 6 pontas. Este símbolo tem muitos significados ocultos, mas astrologicamente é pouco definido.
   Na numerologia o número 6 oferece estabilidade e harmonia, astrologicamente quem possui essa figura em seu mapa tem muitas habilidades e facilitações, mas também pode trazer inércia, como o Grande Trigono, se não tivermos uma interação consciente e ativa com ele, muitas vezes energias harmônicas se traduzem em pouca falta de vontade.
   A interpretação da figura do Hexagrama é diferente daquela do Grande Trígono, visto que os planetas em trígono são ativados pelos planetas em sextil e ainda pelas oposições, que no Grande Sextil/Hexagrama do dia 29 de Julho de 2013 acontece entre Plutão a 09° de Capricórnio com Marte 10° e Júpiter 07° de Câncer.
   No interior da Estrela de David estão contidos três retângulos, no Egito estes retângulos simbolizavam o caixão de Osiris, que foi morto e esquartejado por seu irmão Set. Isis juntou suas partes espalhadas e conseguiu fazê-lo ressuscitar num plano mais elevado, e esse era o grande mistério bem guardado pelos sacerdotes egípcios. Assim também, os retângulos místicos contidos dentro da Estrela de David conferem o poder de ressuscitar, ou seja, renascer após os golpes duros da vida, ao reunificar corpo, sensações e sentimentos, resgatando assim a plenitude.
   O hexagrama é um símbolo do relacionamento entre o macrocosmo, Deus, Universo e as Energias Superiores, e o microcosmo, a Humanidade, a Terra e as Energias Evidentes. O triângulo que aponta para cima, o símbolo do elemento Fogo, representa a aspiração do manifesto alcançar ou retornar ao Divino. O triângulo que aponta para baixo, o símbolo do elemento Água, significa a descida ao Divino. Onde estes dois triângulos se encontram no centro do hexagrama, um ponto de equilíbrio e beleza é alcançado,