Translate

terça-feira, 25 de junho de 2013

Mitos e Características dos Signos - Parte II - Leão a Escorpião

             Mitos e Características dos Signos

                       Parte II - Leão a Escorpião

   Durante séculos, as pessoas consultaram astrólogos com questões como: qual é meu destino, como terei sucesso no amor e nos negócios, como ganhar dinheiro, como está a minha saúde? O astrólogo, conhecedor da "linguagem das estrelas", calculava o horóscopo da pessoa, um diagrama composto de símbolos e linhas referentes às localizações planetárias no céu na hora do nascimento, astrologia natal, ou no momento em que a pergunta era feita, astrologia horária, passando então a tratar dessas questões.
   O fato de que um pedaço de papel com alguns rabiscos matemáticos e grifos de formas estranhas possam dar respostas racionais e exatas, esta questão sempre desconcertou as mentes cultas.  Mesmo assim, a astrologia continua a existir e a prosperar. Hoje, quando a Idade da Razão começa a se integrar na Era da Intuição, a astrologia pode ser compreendida bem melhor pelas mesmas mentes que a desafiaram por tanto tempo, justamente por ser a integração da razão, matemática, frequências orbitais, ciclos, e da intuição, referências simbólicas a mitos e divindades.
   Persiste a discussão do por que da astrologia, mesmo entre seus defensores. De acordo com Jung, os deuses gregos e todos os mitos que os cercam simbolizam o inconsciente coletivo, ou seja, fatores motivacionais profundos que são compartilhados por toda a humanidade. Uma vez que os planetas recebem os nomes desses deuses, carregam em si a influência da simbologia que tais arquétipos possuem. Para Jung, essas realidades simbólicas interagem com os acontecimentos de nossas vidas por meio de um processo chamado sincronicidade, esta seria a razão física para os instrumentos mágicos da Astrologia.
   Héracles, também conhecido como Hércules, para purificar-se depois de ter matado seus filhos e sobrinhos, após uma crise de loucura, teve que ser submetido a uma dura prova, realizar com sucesso doze trabalhos.
   O primeiro deles era o de capturar um feroz leão que se escondia no bosque de Neméia. O animal devorava todos sem piedade. Inicialmente, Héracles usou arco e flecha que nem sequer arranharam o animal. Em seguida usou uma espada de chumbo e, após tentou encurralá-lo com uma clava. De nada adiantou, foi aí que decidiu partir para a briga corpo a corpo com a fera.
   Prestes a ser vencido, Héracles descobriu que o pescoço do leão era seu ponto fraco e estrangulou-o até a morte. Simbolicamente para usar a força de sua vítima, Héracles guardou as garras, a pele e a cabeça da fera. Outros mitos importantes de Leão são o de Ônfale e Narciso.
   Cada um deles tem muito das características das pessoas que tem a data de nascimento compreendida entre 22 de julho e 22 de agosto, Ascendente em Leão e que tem o Sol como planeta importante no Mapa Natal.
Características de Leão: Auto-expressão criativa, amor a vida, benevolência, humor, afetividade, autoridade, autoconfiança, força interior, natureza pacífica, não costumam guardar ressentimentos, magnanimidade, sabem perdoar, Possuem grandes corações, vaidosos, podem deixar-se seduzir pelos brilhos, amorosos, calorosos, gostam de crianças e, sobretudo de brincar com elas. Podem ser muito permissivos, gostam de brilhar, quando irados perdem o controle de suas emoções podendo destruir tudo que construíram, mas em geral conseguem se distanciar de suas emoções e vir às coisas com racionalidade. Sabem lidar com a sua dor e a dos outros, definem metas.
   São realizadores, legisladores, suas conquistas em geral são públicas, podem não ter consciência de todos os seus dons, imprimem sua marca pessoal em tudo que fazem, podem ser racionais, lógicos, filósofos, valorizam muito sua própria imagem, podem dar mais valor ao exterior que a essência, pode gerar sentimentos de insegurança no parceiro devido a seu egocentrismo. Muito preocupados com sua prole fazendo parecer dispensável a presença do outro parceiro, ótimos provedores, são magnéticos, extrovertidos, alegres, mas podem ser rudes e até cruéis.
   Tem dificuldades para lidar com o fracasso, sempre estão em busca de conquistar objetivos, quando amam gostam de homenagear seus eleitos, podem usar o poder como arma de vingança quando se sentem traídos. Extremistas em suas escolhas, ingênuos, amigos e leais, conservadores e defensores da boa moral, quando artistas são sublimes buscando a beleza e a perfeição nos traços de suas artes, bem como fazem grande uso de sua criatividade.
Símbolo: Leão.
Podem ser representados na natureza como uma fogueira.
Outros animais: Tigre, Jaguar e Pavão
   Existe outra versão dada pelos egípcios ao mito de Hermes. Ele, como intermediário entre Deuses e homens se encaixa mais com o aspecto geminiano, porém como escriba do Deus Horus, egípcio, se coaduna com a natureza virginiana.
   Sob esta perspectiva, Mercúrio/Thoth era um grande mago com poderosos poderes de cura. Podia, inclusive, ressuscitar pessoas. Foi considerado o autor intelectual do "Livro dos Mortos" onde inclusive são descritas técnicas para se obter a ressurreição. Freqüentemente o estado de saúde era restaurado pela utilização de frases mágicas aplicada ao Chackra da garganta do sofredor, versado também em Astrologia, Astronomia e Artes Mágicas. Outros mitos importantes de Virgem são o de Hefestos, Héstia e Asclépio.
   Cada um deles tem muito das características das pessoas que tem a data de nascimento compreendida entre 23 de agosto e 22 de setembro, Ascendente em Virgem e que tem Mercúrio como planeta importante no Mapa Natal.
Características de Virgem: Organização, discernimento, crítica, busca pela perfeição com aplicação prática, paciente, cônscio de seus deveres, metódico, humilde, subserviente, racional, contatar com a nossa realidade, nossos defeitos e limites, repressão de sentimentos, que podem explodir repentinamente, contenção de sentimentos, impulso para trabalhar para esquecer problemas emocionais, dificuldade para abrir-se emocionalmente. Internalizam as emoções na construção objetiva das coisas, habilidade manual, destreza, precisão, produz coisas que tenham utilidade, tende a introjetar ressentimentos, age de forma oculta, tendem a se menosprezar, podem se sentir rejeitado pela família e pela comunidade.
   São prestativos, perfeccionistas, geralmente são solitários, interesses voltados para máquinas e objetos, podem ter a sensação de serem "peixes fora d'água", inseguros e exigentes quanto a auto-imagem, procuram desenvolver o melhor de si, valorizam o silêncio, seus próprios recursos, a rotina, detalhistas, meticulosos, perseguidores da verdade, evitam chamar a atenção sobre si mesmos, realistas, podem repetir várias vezes o mesmo trabalho até ter a sensação de estar perfeito, encontram paz interior quando realizam tarefas domésticas, procuram manter a ordem, podem se revelar como religiosos em suas rotinas e no anonimato, despego às posses, acontecimentos, não tem ambição, valorizam o poder, educados, auto suficientes, interessam-se por tudo que se relaciona a saúde, plantas medicinais, dietas, gostam de prevenir-se contra doenças, gostam da boa alimentação e de ter hábitos saudáveis, preocupam-se com doenças podendo até chegarem a ser hipocondríacos, são ligados a filantropia, obras de caridade e assistência social.
Símbolo: Esfinge
Animais da natureza: Escaravelho, Esquilo e Castor
   Páris, filho dos Reis de Tróia, Hécuba e Príamo, segundo o oráculo, Páris seria o destruidor de Tróia. Foi então abandonado, após seu nascimento, num monte para que ali morresse. Dias após um pastor encontrou o recém-nascido sendo amamentado por uma ursa. Pegou então o pequeno ser e introduziu-o entre os pastores para que por eles fosse criado. Páris cresceu forte, imponente e zeloso pelo seu rebanho. Numa ocasião ao assistir a luta entre um de seus animais e outro touro, decidiu pela vitória do outro com completa imparcialidade.
Numa outra ocasião coube a Páris escolher entre as três Deusas do Olimpo, a mais bela. Usou de toda diplomacia e astúcia para não ofender a nenhuma delas, porém foi-lhe determinado por Zeus que apenas uma deveria ser a escolhida. Após a análise bem feita, Páris acabou por decidir-se por Afrodite, uma Deusa bela, sedutora e que lhe prometera cumplicidade com a futura esposa Helena. Esta, na verdade, era esposa de Menelau, Páris, ardilosamente usurpou a esposa e os tesouros de Menelau, e que custaram a Menelau a vida e a ruína de Tróia. Foi também em combate que Páris morreu. Este personagem, no entanto, mostrou-se bastante covarde nos embates corpo a corpo o que fez Helena decepcionar-se e finalmente acreditar que não estava diante do herói que ela pensava, do seu par ideal. Outros mitos de Libra são Afrodite, Palas Atena e Hera.
   Cada um deles tem muito das características das pessoas que tem a data de nascimento compreendida entre 23 de setembro e 22 de outubro, Ascendente em Libra e que tem Vênus como planeta importante no Mapa Natal.
Características de Libra: Cooperação, harmonia, busca eterna do equilíbrio, senso ideal da justiça, busca do bom e belo, diplomacia, equilíbrio entre seu eu e o outro, busca da estética, sabem apreciar as artes de um modo geral. Buscam uniões amorosas e não suportam a solidão. Precisam promover reuniões sociais, estar em grupos, não gosta de ver alguém solitário, conseguem manter distância emocional em situações de emergência e acham saídas adequadas quando sob pressão. Não suportam violência e nem sujeira, não gostam de sujar as mãos, tem ideal de justiça bastante elevado que muitas vezes não atinge seu aspecto prático, tem dificuldade para tomar decisões e transferem freqüentemente para os outros, as mulheres habitualmente tem grande admiração por seus pais e casa-se com homens que detém características semelhantes, são leais, devotadas.
   Adoram a vida das cidades onde há novidades, movimento, vida social. Gostam sempre de estar entre as pessoas conversando, trocando idéias, relacionam-se com o sexo oposto sem que tenha que haver um conteúdo erótico. Tem dificuldade para uma troca afetiva mais íntima, são intelectuais, não suportam ser exposta a situação de ridículo, tem tato, habilidade política e estratégia inatas. Desejam no casamento parceria e igualdade e a oportunidade de participar da carreira de seu cônjuge, em troca de tomar conta da casa e dos filhos, gostam de manipular pessoas, exigem o cumprimento do compromisso no casamento, procura sempre manter as aparências mesmo que esteja pululando de ódio. Podem suportar situações bastante desconfortáveis para manter a vida a dois, podem vivenciar o casamento como um jogo de poder.
   Situação dramática pode ocorrer quando há uma simbiose tão grande entre marido e mulher, pode criar-se um clima onde seja acionado o arquétipo de mãe devoradora, tem muita dificuldade de vivenciar o lado lúdico do amor, as mulheres utilizam sedução e as formas indiretas para agir e atingir seus objetivos. Estão na eterna busca do par ideal.
Símbolo: Pratos de uma balança
Elemento da natureza: Brisa
   Entre os doze trabalhos que Héracles (Hércules) deveria realizar o oitavo deles era destruir um terrível monstro que vivia numa caverna dentro de um pântano (a Hidra de Lerna). Na verdade, a Hidra era a guardiã dos infernos. Bastava instilar seu hálito pútrido no local onde aflorava para que perecessem flora e fauna local quase que instantaneamente. Após transcender todos os perigos que o pântano oferecia, Héracles começou a lançar flechas de fogo para que o monstro saísse de sua toca. Porém, o terrível animal era praticamente imbatível, a cada cabeça arrancada duas novas surgiam cheias de um ímpeto mortal.   Surgiu então um caranguejo gigante que mordeu os calcanhares de Héracles mas que foi destruído imediatamente tamanha a ira do herói. Auxiliado por Lolau, armado com ramos flamejantes da floresta que ardia nas proximidades, Héracles ceifava as cabeças da Hidra e Lolau queimava o pescoço impedindo, desta forma, que novas cabeças nascessem. Ao mesmo tempo, desencravou o grande monstro da obscuridade em que se encontrava em direção aos céus, elevou sua horrenda cabeça que começou a murchar lenta e inexoravelmente com o bater dos raios solares. Héracles apoderou-se então do que restou do monstro e guardou como um grande tesouro, enterrando-o sob uma rocha. Outros mitos de Escorpião são o de Hades e o Orestes.
   Cada um deles tem muito das características das pessoas que têm a data de nascimento compreendida entre 23 de outubro e 22 de novembro, Ascendente em Escorpião e que tem Marte ou Plutão importantes no Mapa Natal.
Características de Escorpião: Perspicácia, magnetismo, grande força de vontade, obstinação, capacidade de ver além das aparências, grande riqueza de recursos interiores, coragem, perseverança, busca intensa das transformações ainda que dolorosas. Lidam freqüentemente com desafios que geram dor psicológica, perda de entes queridos de forma abrupta, e perdem coisas valiosas, estímulos que os colocam frente a frente com emoções pouco aceitas socialmente, como a inveja, o ciúme, o "lado sombra" de cada um de nós. O medo, os ressentimentos de um modo geral, as mágoas, a crueldade, estímulo a lembranças dolorosas e até cármicas. Podem viver em reclusão auto-imposta para resolver seus problemas mais íntimos, estudar ou fazer vários tipos de terapias, inclusive às trans-pessoais. Têm capacidade de lidar bem com tudo aquilo que é doloroso para a sociedade de um modo geral como tratar de doentes com câncer em fase terminal, fase final de AIDS e outras doenças dramáticas, as psicopatias são muito bem identificadas e tratadas por terapeutas de Escorpião.
   Podem existir experiências que os aproximem da morte de fato, por isto, sabem lidar muito bem com a fatalidade do dia a dia. São profundos, obsessivos, altamente possessivos, sutilmente manipuladores, tenazes em suas metas, agem por compulsão, são inquietos, insatisfeitos, sofrem mecanismos de repressão interna, têm lembranças dolorosas de fatos passados ou recentes, o amor deste signo se compara a fusão de corpos, a cumplicidade, vivem em uma dialética profunda. Há períodos de separação e se houver uma relação muito primitiva, pode haver detonação de aspectos cruéis da personalidade que podem derivar em ciúme doentio, dominação do parceiro, competição territorial propriamente dita, chegando às raias da falta de escrúpulos.
   A sexualidade é forte e complexa, mas pode levá-lo ao celibato como também a máxima promiscuidade. Busca na relação matrimonial uma situação estável e duradoura. Outra situação comum na vida dos escorpiões são as questões familiares que envolvem vinganças consecutivas, o escorpião primitivo tem a célebre frase: "olho por olho" e "dente por dente".  Há outros níveis de desenvolvimento deste signo que é a serpente com características de personalidade, envolve astúcia e sabedoria, sabendo transmutar como ninguém qualquer situação, tem uma percepção afiadíssima e são altamente intuitivos. Neste signo também estão os grandes curadores e cirurgiões habilidosos.
Outro sentimento muito percebido pelos escorpiões é o sentimento de culpa já que vivem intensamente suas emoções e podem ter dificuldades internas para romper determinados laços.
   Traição, crime, vinganças e inveja fazem parte do submundo, de sentimentos difíceis de serem aceitos pela sociedade de um modo geral, mas que fazem parte da convivência interna deste que é o oitavo signo. As riquezas na forma de herança e as partilhas de um modo geral também são freqüentes e podem levar a diversos problemas inclusive a do não recebimento da parte que toca a um dos herdeiros. De fato, um signo bastante complexo que lida com a luz e as sombras de uma maneira muito intensa e que os deixa prontos e aptos para qualquer armadilha que a vida lhes impuser.
Símbolo: Escorpião
Animal da natureza: Aves de rapina


Pesquisa: Ariel Guttman e Kenneth Johnson - Astrologia & Mitologia

- Astrologia e o Pensamento Simbólico:http://migre.me/f9Yxt